Paulo Henrique um jovem de 19 anos, é o Fundador e Presidente do Abrantes Futebol Clube que foi criado em 2015 quando o mesmo ainda tinha 15 anos sendo um trabalho fruto das batalhas por segurança e pela educação através do esporte no distrito de Abrantes, orla do município de Camaçari, após o assassinato do seu Pai. O projeto começou com o social para atender os jovens do bairro pensando na cidadania de seus amigos, parentes e vizinhos.



A paixão pelo futebol no distrito de Vila de Abrantes, que conta com 65 mil habitantes é um grande trunfo para concretizar o sonho que é melhorar a comunidade através da profissionalização do clube, contribuindo com a sociedade local, formando cidadãos, mas também oferecendo melhorias para o bairro com a urbanização através de praças esportivas e humanização das outras escolinhas do bairro, e em um médio prazo com a construção do Centro de Treinamento do Abrantes Futebol Clube. Hoje a administração do clube busca apoio para a manutenção do projeto e solidificar seu programa para desenvolver a gestão, governança e compliance para através de projetos da Lei de Incentivo ao Esporte federal, e buscando apoio através de impostos das empresas do Pólo Petroquímico de Camaçari e com os pilares de ação da entidade: Desenvolvimento do futebol masculino, feminino e de paratletas, inclusão social e desenvolvimento econômico além de inovação tecnológica do esporte gerando resultados positivos ao clube e sua comunidade.

O Abrantes Futebol Clube é um time amador filiado a liga de Camaçari, com um forte viés social, assim a equipe hoje ajuda e incentiva mais de 180 Atletas a praticar o esporte, melhorando cada vez mais a qualidade de vida deles. O Clube já participa dos campeonatos regionais e estaduais.


1 de outubro 2018 representantes da agremiação visitaram a Federação Bahiana de Futebol para apresentar o projeto. O presidente do clube, Paulo Henrique, o vice-presidente Antônio de Souza e o consultor esportivo foram recebidos pelo presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, e o vice-presidente, Ricardo Lima.

No encontro, os desportistas reafirmaram o desejo de profissionalizar o Abrantes e tiraram dúvidas sobre o processo. Após a reunião, em conversa com o portal FBF, o grupo revelou que deseja já disputar o Baianão Infantil e Juvenil em 2019.

“Pretendemos começar pela Divisão de Base, que já trabalhamos, disputando o juvenil e o infantil. Futuramente, pensaremos em ter uma equipe profissional. Já temos um projeto entregue ao Ministério do Esporte para conseguir recursos através da Lei de Incentivo ao Esporte. Vamos poder desenvolver todo esse trabalho e também construir nosso Centro de Treinamentos”, afirmou Paulo Henrique.

Há três anos, um projeto social trabalha com crianças e adolescentes de Camaçari através do esporte. Trata-se do Abrantes Futebol Clube.

Localizado na Vila de Abrantes, no município da Região Metropolitana de Salvador, o Abrantes oferece escolinhas de futebol para crianças a partir de seis anos e ainda disputa competições amadoras de base com equipes Sub-15 e Sub-17.

Mas, os responsáveis pelo projeto já sonham alto. O objetivo, além de dar continuidade às ações solidárias, é a profissionalização.